Destaques
recent

Modelo de Encontro na Catequese

O Documento de Aparecida, pensar a Iniciação à Vida Cristã tornou-se um grande desafio a ser encarado com decisão, com coragem e com criatividade, em vista de colocarmos as pessoas realmente em contato com Jesus Cristo, convidando-as para o Seu seguimento, cumprindo assim nossa missão evangelizadora.   Surge, diante disso, a preocupação com o “modo de fazer” a catequese nos dias de hoje, caracterizado pela busca de um “jeito” que realmente favoreça o planejamento da ação catequética, tanto no que se refere aos temas e conteúdos, ou seja, às verdades da fé a serem apresentadas em autênticos itinerários de introdução e de amadurecimento na fé para crianças, jovens e adultos, quanto na própria definição de um roteiro para os encontros que contemple objetivos claros, uma linguagem adaptada e atenta à realidade que ressoe a mensagem cristã aos corações.

A proposta descrita a baixo é um modelo de encontro catecumenal e pode ser adaptada de acordo com as necessidade ou realidade de cada catequista.

- Preparação do ambiente (É importante quebrar a rotinas do modelo salas de aula - comece colocando as cadeiras em círculos, dessa forma você terá um olhar direto ao catecúmeno quando tiver falando ou ouvindo - Prepare o ambiente do encontro de acordo com o tema proposto no dia se possível. É importante lembrar que a  palavra de Deus deve está sempre ao meio do circula ela é nossa grande ferramenta para os encontros)

- Acolhida ( Cada catecúmeno deve ser acolhido de forma que sinta importante em está participando do encontro, a acolhida é momento de conhecer, ganhar a confiança é muito importante, aproveite esse momento para preparar algo que possa valorizar ainda mais a oração inicial )

- Oração Inicial ( Lembre-se de sempre ter um mão o folheto da leituras do dia na preparação de seus encontros, proponho que seja proclamado o evangelho do dia , ou o salmo )

- Partilha de um fato da vida (Nesse novo processo, tão importante quanto falar é saber ouvir e entender o que cada catecúmeno conhece da realizada,  motive os catecúmenos para que relate fatos da realidade (jornal, revista, internet, redes socais) 

- Introdução do tema (É de suma importância está atento ao calendário litúrgico na preparação do tema. Faça a exposição do conteúdo preparado, é importante criar momento de interação, com cartaz, folhetos, musicas etc, faça memória ao encontro anterior. Os subsídios são importantes pois garantem ao catequista maior conhecimento sobre o tema escolhido)

- Leitura da Palavra de Deus ( A Palavra proclamada deve trazer luzes sobre o tema, indicar caminhos e corrigir rotas. Deve-se perguntar o que esta palavra acrescenta, modifica ou corrige naquilo que partilhamos. Deve-se acentuar o aspecto essencial da conversão. Devem ser propostos compromissos de adesão a esta palavra.)

- Reflexão (Importante realizar dinâmicas que motive a compreensão sobre o tema, ou seja, um trabalho em grupo com cartazes, atividades escritas ou ilustrativas, gincanas, brincadeiras, músicas, ensaio de peças teatrais dentre outros)

- Gesto concreto (Colocar em prática na vida o que é vivenciado na catequese é o verdadeiro propósito. Para isso, decidir um gesto concreto, uma ação para a semana seguinte ou algo que possa ser feito para ajudar alguém por alguém por exemplo. Também é importante colocar orientação de atitudes a serem vivenciadas em casa, na escola, na rua, no trabalho)

- Oração de envio (Encerra-se a reunião catecumenal com a oração de um salmo partilhado.Podem-se fazer preces espontâneas que devem refletir o tema  da reunião, bem como as necessidades concretas da Igreja e do grupo catecumenal. Cada um expressa o seu compromisso da semana. Encerra-se com a oração da coleta do domingo.)

- Celebrações (A Liturgia deve permear a ação catequética. Para tanto, o catequista deverá resinificar os momentos finais dos encontros para além da concepção de um “oração final”. Quando tratamos de “celebração”, garantimos que tudo o que foi vivenciado tem um sentido pleno, uma espiritualidade. Que neste momento práticas como, por exemplo, o gesto de molhar a mão na água benta e traçar sobre si o sinal da cruz, seguido de uma canção pouco a pouco vão orientando os catequizandos para a necessária santificação de suas ações. Em determinadas ocasiões, de acordo com o tema da reunião pode-se encerrar a reunião com um rito (rito da luz, do sal, exorcismos menores, assinalação como o sinal da cruz, etc) ,  ou celebração de modo a que se possa fazer uma espécie de laboratório de liturgia em torno de um símbolo ou de um gesto litúrgico.)

- Atividade para casa (Pode preparar um plano de leitura semanal)



Joylson Carvalho

Joylson Carvalho

Web Developer, catequista por vocação desde 1998. Desde 2011 tenho me dedicado a estudos, vivências e praticas da IVC, desde então tenho ajudado na implementação da Iniciação a Vida Cristã com inspiração catecumenal, nas comunidades da arquidiocese de Manaus.

Comentários
4 Comentários

4 comentários :

  1. As orientaçoes sao maravilhosas so temos a agradece a Deus por esse trabalho lindo que voce faz,para mim que estou iniciando com uma turma de iniciaçao cristao.Espero mais novidades para pode melhorar cada dia mais.Obgdo que Deus lhe abencoe.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cleonice, obrigado pelo seu comentário..O blog foi criado exatamente pra esse fim ajudar catequistas de todo brasil. Se vc tiver algo que possa ajudar na formação de outros catequista por favor nos envie. Em breve estarri postando meu TCC da escola catequética sobre a espiritualidade do catequista segundo João 21

      Excluir
  2. Muito boa esta exposição do método.
    Parabéns a equipe pelo excelente trabalho.
    Os Catequistas precisam atualizar a metodologia aplicada.
    Que Deus abençoe!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Josivaldo, obrigado, você também pode contribuir, basta entrar em contato mandar material que postaremos sempre que possível

      Excluir

Olá, se esse post ajudou você de alguma forma, deixe seu comentário ele é muito importante para nós.

Tecnologia do Blogger.